Powered By Blogger

Páginas

curvas, retas e esquinas

domingo, 12 de setembro de 2021

Natural Brasis © Copyright

 


Esfregue-se em mim, flor de orquídea.
Recatada, mas assanhada em minhas danças.
Tens o sorriso da mulher indígena, emoldurado
por teus cabelos de tranças.
Tal beleza me fascina, morena linda de
largas ancas.
 
Cheiro doce de canela marrom.
Teu corpo é todo um poema!
Podias ser chamada de Iracema,
mas guarda em si: o lindo nome de Jurema.
 
Sensual e alegre filha dos seres mágicos:
tupis-guaranis.
Criada nas matas, és linda, das mais
formosas ninfas tupiniquins.
Formosa mulher, suave e serena.
Doce Jurema, esfregue-se em mim!
 
Dispa-me com teus olhos e brilha-me
com tua luz estonteante.
Você, sinuosa canoa, enfeitada
de lírios e, eu, teu tripulante.
 
Em tuas curvas de canela morena e
em teu sorriso branco marfim,
nasce um beijo de teus lábios vermelhos,
macios, como pétalas de rosa carmim.
 
Ando em tuas trilhas e estremeço em
tuas linhas, em teus delirantes caminhos.
Teu corpo exala cheiros exuberantes.
És, formosa flor sem espinhos.
 
Teus cabelos pretos, feito cor anoitecida,
sem medidas, cobrem toda tua linda
nudez esculpida.
Cobrem-te e protegem-te.
Faço-me desbravador de tua
linda riqueza escondida
 
Percorro os teus caminhos de
matas nativas. Nas trilhas de belezas,
nunca por mim imaginadas.
Em teu paraíso de deusa morena,
escondo-me, na maravilha de terras,
esperando por mim, serem desbravadas.
 
Esfregue-se em mim!
Impregna-me com teu cheiro canela e
forte odor de amor.
Deusa marrom canela, cubra-me
com teu corpo de mulher e,
faça deste tempo,
infindável prazer de amor.
Com tua pele de veludo de flor,
nos tornamos um só
momento de cor. 


Beto nicou

Arte: Julianna Brion

 

 

23 comentários:

  1. Boa tardinha de Domingo, amigo Beto!
    Uma sensualidade "selvagem" em consonância com a musa da poesia.
    Jurema, Iracema?... Simplesmente uma mulher com seus encantos.
    Que o encontro de pele seja na mesma intensidade do de almas.
    Muita sinestesia linda por aqui.
    Chega senti o cheiro de canela no ar, inspirador de emoções...
    Tenha uma nova semana abençoada!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, tive muita dificuldade com a cor da letra.

      Excluir
    2. Querida Roselia, a cor está em preto, como de costume, mas no celular está com o plano de fundo escurecido. Obrigado por avisar, Beijos.

      Excluir
  2. Belíssimo poema, que inspiração!!!!!
    Parabéns 👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽

    ResponderExcluir
  3. Belo texto, meu amigo! Brasileiro, sensível, sensual. Parabéns!

    ResponderExcluir
  4. UAU! Aplausos pra tua inspiração tão linda e temática escolhida!Adorei! abração,chica

    ResponderExcluir
  5. E de repente fui transportado à Amazónia.
    Abraço, boa semana

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, Beto!
    Um poema de tirar o fôlego!
    Maravilhoso, delicado e inspirador.
    Parabéns!

    -
    O dia em que as flores desapareceram
    -
    Bjs, Marli

    ResponderExcluir
  7. Impossível resistir ao apelo da sensualidade. Belíssimo!
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Meu amigo Adalberto,
    Que belo poema de identidade tão nacional.
    Em tuas letras, nascem nossas raízes, pois, somos seres tribais.
    Tua poesia representa a identidade de todos nós, trazendo folclore, misturado com a base dos conhecimentos indígenas.
    Ficou lindo isso!
    Abraços alvinegros e boa semana!!!

    ResponderExcluir
  9. Talento, inspiração, criatividade, deram origem a um poema sensual de elevada estrutura poética. Deixo o meu elogio. Lindo e fascinante de ler.
    .
    Votos de uma feliz semana.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir

  10. Olá lindo !. Gostei do que você comentou. Como está a sua vida?
    Nos digam. Não sabemos nada sobre você, nada além de que você é bonito e um poeta.
    saudações do silêncio do mar em Miami

    ResponderExcluir
  11. Nossa!! Que lindo!
    Maravilhoso, Beto, gostei muito das palavras e das imagens que você usou, foi buscar lá longe na Amazonia, talvez.
    Poema muito diferente, de um romantismo lindo. Brindou-nos com um poema parece que escrito nas estrelas, extraterrestre! Parabéns.
    Desejo uma feliz semana pra você, com saúde, alegria e muita criatividade.
    Beijo, querido Beto.

    ResponderExcluir
  12. Querido amigo Beto,
    Um poema belíssimo e sensual, que nos leva a florestas luxuriantes e a tribos onde a beleza é pura e autêntica.
    Fico sempre fascinada pela beleza estética da sua poesia.

    Beijinho grato, meu amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijinho grato meu amigo, pelas palavras carinhosas e amigas que deixou no meu blogue pelo seu aniversário.
      Bem-haja !
      Feliz semana.

      Excluir
  13. Querido Beto, um poema lindissimo onde mostras bem a beleza natural da mulher brasileira, a cor de canela, cabelos pretos, surgindo, feito deusa no " paraiso " que é a terra do nosso amado Brasil nosso, porque também o considero meu, dado que me deu o que de melhor tenho no mundo, os meus dois filhos. E depois, Beto, há a introdução ao teu livro que, ao lê-la, tive a certeza de que vai ser um sucesso. É isso que te desejo, do fundo do meu coração, um coração que ama o Brasil e o seu maravilhoso povo. Obrigada, Amigo, pelo belissimo canto a essa minha segunda pátria. Um beijinho e SAÚDE para que possas continuar a brindar-nos com a poesia que colocas em tudo o que escreves. Desculpa a ausência, querido Amigo!
    Emilia 🙏 👏 🇧🇷

    ResponderExcluir
  14. Um maravilhoso momento poético, que é uma verdadeira homenagem à autenticidade e sensualidade das mulheres indígenas, que nos recordam a origem primordial do povo brasileiro... tão ameaçada no momento... com a Amazónia a desaparecer de dia para dia...
    Adorei a paisagem poética, que este seu inspirado e inspirador trabalho, me fez percorrer, Beto!
    Beijinhos! E continuação do maior sucesso, para o seu livro! Tudo de bom! Feliz fim de semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  15. Increíble, Beto! Me has hecho sentir en las matas del alma! Gracias por su poesía.

    ResponderExcluir
  16. Um poema deslumbrante, de corres, cheiros e sensualidades.
    Excelente inspiração, parabéns ao seu talento poético.
    Bom domingo e boa semana, caro Beto.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  17. Que inspiração excelente! Cantando e enaltecendo a beleza e sensualidade das mulheres aborígenes do Brasil.
    Muito belo, querido poeta. Belo, expressivo e bem explicito.
    Foi um prazer passar pela seu sítio...
    Saúde e dias felizes.
    ~~~

    ResponderExcluir
  18. Passando para ver as novidades, querido Beto, aguardando...Uma feliz semana, cuidando-se!
    beijinho.

    ResponderExcluir
  19. Beto em nova edição
    melhorada. Fala, meu
    velho!
    Bom final de semana
    para o amigo.

    ResponderExcluir

people of the world comment if to like… important for the development of this work…