Páginas

curvas, retas e esquinas

domingo, 27 de outubro de 2019

Acanhados © Copyright


Se serenasse na primavera de um amor e cantasse como ondas que anunciassem o mar: ilustrar-se-ia, o cenário, como quem pinta o céu, ante a luz que lhe apontasse para aportar. Se desenhasse o farol que apontasse ondas amenas num porto de calmarias: visualizar-se-ia terra fértil para brotos de ternas alegrias.

Caso ali a flor brotasse e se esvoaçasse, feita pétalas de beija-flor, em qualquer lugar que ali plantasse: germinar-se-ia em broto, feita flor; polinizada amante, rosa decorosa que se faria corada; quem diria! Seria luz brilhante, rubro diamante, menina flor que ali brotou; seria graça de sagradas pétalas de romaria.


Brincar-se-ia uma guerra de lençóis de brisa, onde o amor sopraria asas de um respirar frenético. Teria pele, feito cobertor, e o suor, orvalho de um amor não cético. Orvalhar-se-iam, numa alegria ousada de cabaré! Seriam amantes: Jardineiro e flor; flutuantes ondas eriçadas, ou trazidas ternuras de uma maré. By betonicou
Arte: Peter Mitchef

30 comentários:

  1. A poesia mora em ti e dá gosto te ler! abração, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Ei Beto,
    Adoro sua forma de escrever/compor
    poesia. Vejo em formato de
    cronica contudo vou lendo como
    em formato de poesia estive.
    Lindo e arrebatador conjunto:
    título, texto e ilustrações.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
  3. A great post! I love your blog. Your content is very interesting < 3
    I am following you and invite you to me
    https://milentry-blog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa Senhora...
    Tudo que tocas vira a mais sublime poesia, meu amigo! Que dom, muitas vezes fico aqui a pensar se você sabe bem da dimensão e pureza de teus textos! Tudo é poético, terno e direto!
    Só aplausos, querido amigo!
    Uma ótima semana!
    beijo

    ResponderExcluir
  5. Beto,
    Assim como o "Flautista de Hamelin", você vai compondo em palavras, aquilo que fervilha em tua mente.
    Acho muito boa a tua levada no modo de escrita, como se fossem mesmo o "Tilintar de Flautas Mágicas".
    Um abraço meu amigo e bom começo de semana!!!

    ResponderExcluir
  6. Uma delícia para alegrar e colorir o Outono.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderExcluir

  7. Como não se deleitar em ler e reler seus versos, em meio a uma festa de alegria, com sorriso rubro contido, como uma menina flor que guarda o néctar para o seu beija-flor, ou seria a flor mulher, que ao toque de seu jardineiro, desabrocha em sentimentos carnais e o pensamento é polinizado entre lençóis.
    Beijo com perfumes florais!

    ResponderExcluir
  8. Oieee,
    Lembrei da rosa do pequeno principe.
    adoro ler-te. Sempre com muita
    delicadeza e ternura.
    O amor brota como um por do sol.
    Lindo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Eita Minas, com esta serras, que faz inspiração acelerada, entre mesóclises tão bem lapidas na elegância impar da poesia. Poder-se-ia dizer, que o poeta se lança em meio a um jardim e capta todos os movimentos da flora em seu processo de mutação.Um Show poeta das Gerais, não há como não mergulhar nesta lagoa encantada deste poetizar. Que bom ter você neste diferenciado poetizar, a nos mostrar a infinitude da construção perfeita e bela de um poema.
    Aplausos amigo e meu abraço mineiro de flor.

    ResponderExcluir
  10. Seu Beto,
    Seu blog é muito bonito
    e vou voltar aqui sempre.
    Não repare se eu demorar,
    é que ainda estou aprendendo
    a mexer em blog. Dona Catiaho
    minha editora tem me orientado
    e vou aprendendo devagar e sempre.
    Desculpa qualquer coisa
    Maria Azevedo

    ResponderExcluir
  11. Belíssimas metáforas e imagens sucedem-se como ondas ritmadas de um mar incendiado...
    Ler os seus testos poéticos primaveris é verdadeiramente um deleite nestes dias outonais, curtos e acinzentados.
    Continuação de dias inspirados e que sejam magníficos.
    Abraço, querido Amigo.
    ~~~~

    ResponderExcluir
  12. Siempre me gustan tus palabras y me encantaría no tener que traducir tus textos pero...

    Gracias por todo
    Lo que Das

    ResponderExcluir
  13. Os meus aplausos por mais este magnífico texto.
    Caro Beto, tenha um bom fim de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  14. Boa noite de paz dominical, amigo Beto!
    Que imagens belas ilustram seu post!
    Um capricho na escolha lhe e peculiar.
    "Orvalhar-se-iam, numa alegria ousada de cabaré! Seriam amantes: Jardineiro e flor; "
    Que pérola perfeita na prosa poética!. Orvalhou geral e ficou tudo irrigado pelo Amor.
    Parabéns, amigo!
    Gosto muito dos verbos pronominais assim embelezando toda a prosa.
    Lindo demais!
    Tenha dias abençoados e felizes!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caso ali a flor brotasse e se esvoaçasse, feita pétalas de beija-flor, em qualquer lugar que ali plantasse: germinar-se-ia em broto, feita flor;

      Bom dia abençoado, amigo Beto!
      Reli e saboreei seu poema em prosa.
      Vim tamben trazer atualização com carinho:
      https://espiritual-marazul.blogspot.com/2019/11/nas-asas-da-primavera-encantada.html
      Tenha dias de inspiraçao e trabalhos literários bem proficuos!
      Abracos fraternos de paz e bem

      Excluir
  15. Bela escolha. Encantaram
    os versos o meu reverso.
    Um abração, meu amigo

    ResponderExcluir
  16. BETONICOU,

    que texto impecável!!!
    Comentar o quê?
    Parabéns.
    Um abração carioca

    ResponderExcluir
  17. Que maravilhoso texto, meu caro Beto!
    Tem beleza, tem lirismo, poesia infinita... uma verdadeira delícia.
    Obrigada por esta partilha tão linda!

    Feliz Terça-feira e uma boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  18. Gostei de reler este seu brilhante texto.
    Tão poético.
    Caro Beto, tenha um bom fim de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  19. Gostei muito. Além de ser de uma beleza e sutileza muito desenvolvidas, ele me transporta de maneira fantástica para um mundo em que eu gostaria de ficar. Parabéns e saudações.

    ResponderExcluir
  20. Bem-vindo, Beto
    Imagine quanta beleza tao longe de mim !
    Não tenho só os blog dos Sabores - nem é o mais visitado- portanto estou sempre que posso junto de deambulações poéticas como a sua de hoje
    Beijinho

    ResponderExcluir
  21. Estive relendo, uma maravilha.
    Tudo de bom.
    Beijos, querido Amigo-
    ~~~

    ResponderExcluir
  22. ¡Hola, Beto!

    ¡Me parece haber dejado un comentario anterior mente... Igual no es así!

    Bien pues, quiero decirte que leerte es navegar por un mar de lindas metáforas, de olas flotantes, donde brilla esa luz llena de paz y amor que va guiando tu pluma mágica.

    Unas letras golosas que van dando forma a esta preciosa prosa poética amorosa, colmada de sensibilidad y de magia.

    Mi enhorabuena por tan bello trabajo, amigo.

    Te dejo mi gratitud y mi gran estima.
    Un abrazo y se muy, muy feliz.

    Deseo que todo esté bien en tu vida.

    ResponderExcluir
  23. Um poema fascinante, de uma imensa sensibilidade poética!... E sempre maravilhosamente bem acompanhado, com imagens de obras de arte de excelência, que me vão desvendando outros horizontes, na área da pintura...
    Finalmente passando de novo, neste inspirador cantinho, após uns meses de ausência, da blogosfera...
    Um grande abraço! Continuação de um óptimo mês de Novembro!
    Ana

    ResponderExcluir
  24. Como seria bom se " serenassemos na Primavera " , vivendo o amor, admirando a flor que recebe o beija flor que, feliz , voa de uma para a outra não se cansando dos beijos que lhes dá, feito um amante que sabe como fazer brilhar os olhos da sua amada; sol, flores, amores enchem os nossos dias de alegria, de ânimo, mas há o outono e depois o inverno, estações de outra beleza, mas, sem flores, sem beija-flor, sem sol, sem calor; há os amores e esses, Beto, têm que permanecer, mesmo que acabe a primavera, as flores desapareçam e o beija-flor se esconda, acanhado como se receasse a nova estação que se avizinha. Amor, sempre, poesia também e, mesmo com frio, chuva e dias escuros, façamos do nosso coração uma permanente primavera , deixando que nele entre o amor, o inunde e depois saia, espalhando-se por todos os cantos e porque não pelas curvas, retas e esquinas da vida, Demorei a chegar aqui e, no começar de novo, com certeza viste o motivo , na última vez que lá estiveste; já praticamente boa, pude hoje deliciar-me com esta magnifica poesia. Muito, muito bela, Beto! Não há palavras capazes de classificar tamanha maravilha. Eu não as tenho! Só tenho para te agradecer este momento
    maravilhoso. Muito obrigada! Um beijinho e boa noite
    Emilia

    ResponderExcluir
  25. Boa noite Beto

    Esse seu olhar panorâmico captou lindas imagens poéticas, um deleite ler a grandiosa obra. Obrigada por compartilhar essa maravilha.

    Agradeço também as gentis palavras deixadas em meu blog.
    Bjss!

    ResponderExcluir
  26. E ainda não há novo post.
    Espero que seja apenas falta de tempo e que tudo esteja bem com você.
    Caro Beto, tenha um bom fim de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir

people of the world comment if to like… important for the development of this work…