Páginas

curvas, retas e esquinas

domingo, 12 de abril de 2015

Porto aéreo © Copyright


As ondas espumam o meu mar; em direção ao farol eu vou indo.
Vou andando sobre as águas; E então vou seguindo Sóbrio...  Estou
Diante do brilho , e vou trilhando, navegando passo a passo, sobre essas
Águas; agora estou sorrindo... E eu bem sei que tudo resplandece, quando as
Dimensões se chocam... E as águas que batizam, são as mesmas que se agitam
Fortes sob meus pés. . As aves gorjeiam seus hinos, e minha alma, como
Pluma  revoa  sobre as águas... Leve para sonhar, solta para um amanhecer, liberta para
Para viver sereno. Eu ouço o cântico dos seres emplumados, o universo sorri,
Para mim. O céu esta azul, e as nuvens emolduram meus concertos... As
Criaturas carregam em seus dorsos, as minhas cargas... e meu castelo flutua
Nesse meu eu desperto... Ah! Eu bem sei, que tudo e’ tão lindo, e as crianças
Voejam diante de olhos agora  abertos... Espíritos leves numa tarde de sombra tranquila...
Nessa praia desaguam minhas lagrimas... Todo o meu mar estava agitado, e eram
Negras as minhas perolas... E essas revestem todo o chão, com os cristais agora
Brancos , e esmigalhados dos meus olhos. E deito-me na pureza calma da poesia
Alva; cantando. Ah!  E’ primavera, e as flores brotam ate no céu azul, e o arco-íris do
Meu sol, e de minhas chuvas, emprestam suas cores, para que os balões com 
Meus sonhos levem, e alcancem o meu porto no Paraíso... E quando meu
Leme quebrar-se, e minhas direções não quererem mais responder à minha frágil
Consciência... Ai me solto aos ventos saltitando, sobre as nuvens, ate alcançar a razão  
Do meu Coração... Ah! Eu quero mesmo e’ flutuar, deixar esses passos pesados que
Trago comigo... Eu quero mesmo e’ uma mão estendida, ate os jardins que flutuam
Acima deste meu céu, de tantos  escondido... Eu quero voar as minhas preces, eu quero
Respirar leve, e quente... Antes ,que tudo caia, esfrie e congele... E acima de todos
Os céus visíveis e invisíveis, eu mesmo poder dizer: A terra e ‘azul!




By betonicou arte de Adilson Farias

6 comentários:

  1. Olá,Beto
    ...penso que a imaginação e a inteligência podem ser os maiores aliados para superarmos nossas limitações e entender o mundo ao redor ... podemos até flutuar, deixando eses passos pesados e alcançar os céus... o que não podemos é limitar ,imaginação e inteligência, pois assim, não poderemos fazer parte de uma terra azul... um lugar especial, reservado apenas a heróis e deuses...
    agradecendo pelo carinho da participação e visita ao meu blog, obrigado, feliz semana,abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Felisberto ! Eu penso da mesma forma poeta !A imaginação nos leva aos mundo fora da nossa real realidade, e essa as vezes e' dura e pesada demais ...Por isso divago refugiando-me neste ceu dos meus sonhos ... Obrigado por estar participando deste humilde espaço, e pelo seu comentário inteligente , e de qualidade ... abraços

      Excluir
  2. Como sempre expressando os mais diversos sentimentos em textos tão bem inscritos. Lindo demais meu amigo. Parabéns pelo grande talento mestre das escritas. Oss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi meu querido amigo Abel ! Estamos tentando uma sintonia fina com universo de nossas almas ... Bom ter você por aqui meu irmão guerreiro ! ossss

      Excluir
  3. Boa noite Beto!
    Só agora conseguir chegar...

    Tua imagem é linda, criativa e curiosa, casou muito bem com seu texto.
    Então poeta, tua inspiração parece até letra de uma canção. Fez-me fazer uma viagem e tanto no seu texto... É bom sair um pouco da realidade, e viajar por ai sem lenço e sem documento. Sonhar não faz mal pra ninguém risos. E olha que a gente sempre vai longe, muito longe, quando abrimos a porta da mente e deixamos fluir as luzes da imaginação pela janela da alma. Acho mágico! Embora seja um voo de muita paz, porém solitário, até porque quando se voa alto e a sós, não existe alguém perto para ouvir os nossos gritos de felicidade rsrsrs.

    Eu conheço uma citação que diz que: A imaginação nos tornam capazes de suportar a pungente realidade do mundo. Se pararmos em frente ao espelho, e chegando mais perto, olhar bem nos nossos próprios olhos, saberemos que “nós”, somos verdadeiros sonhadores. “Bem, eu sou uma grande sonhadora”, quem não é?

    Escreveste maravilhosamente teu texto. Parabéns!
    Um beijo Beto e ótima semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi smareis minha querida !Tenho feito essas viagens um pouco solitárias ... Acho que preciso estar sozinho com o meu eu, para poder compreender mais as coisas que passam diante dos meus olhos ... Esta certíssima viu ! Precisamos de alguém, ate por que gostaríamos de dividir esse magico espaço azul ...beijos mil e um apertado abraço !

      Excluir

people of the world comment if to like… important for the development of this work…