Páginas

curvas, retas e esquinas

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Imaginario .© Copyright


Descobri um porquê ! Eu só queria vasculhar o mundo!
Eu só queria deitar sob as estrelas e dormir um sono
vagabundo. E mais uma vez eu me pego sonhando,  e
 estou cantando,  e dançando um tango. São essas estrelas
que seduzem meus sonhos,  a dançarem até um mambo.
E descobri o porquê de não poder andar sobre os trilhos
de um trem,  e  me pego pensando se por acaso,  seria  o           
culpado de estragar a viagem de alguém... E sonhando
acordado me sinto seguro.....Estou  a andar sonâmbulo
querendo  às vezes acertar meus erros,  no escuro. Sonhando
as vezes,  me pego esforçando querendo enxergar de onde
escondo-me; Ate quando? Descobri o porquê da vida balançar
na corda bamba... Descobri o porquê de minha dança ser mais
frenética que o samba. Descobri que somos presos em uma
Gaiola,  feito pássaros cantantes. Ai soltamos de nossas gargantas,  
esses ecos  de nossas almas Inquietantes... Descobri um porquê!
Eu só queria arranhar o céu!  Eu só queria ser da Alice, mais um
maluco engraçado de chapéu ! Eu só queria ser invisível,  mas tenho
um sorriso evidente. Eu só queria ser um cristal opaco, sem o
brilho transparente. Descobri o porquê de querer abraçar o mundo!
Eu só queria estender um pouco mais, cada um segundo. Eu só queria
poder dançar essa dança, sem atropelar todos os meus passos, sem
desequilibrar de vez,  toda essa incontentável balança.



By betonicou