Páginas

curvas, retas e esquinas

sexta-feira, 30 de março de 2012

Sonhos de fumaça © Copyright




Serpenteiam os vagões de ferro, pelas trilhas de Minas.
Às margens dos riachos cristalinos ecoam, os cânticos
das Iaras; “cantoras Carolinas”...
Ecoam pelas montanhas, seus sustenidos bramidos e
treme  todo o chão, o gigante rasteiro sobre os trilhos.
Vagueia nas trilhas serpentinas, a Maria fumaça
chamada de Trem.
Rasga as colinas de Minas a cobra de ferro, com seus
anéis que é  seu comboio, com mais de cem...
Permeiam as matas, os trilhos que são  trilhas das marias mineiras...
São veios  de jóias Incrustadas que  trazem alegrias as vidas
ribeiras.

Nos trilhos viaja a Maria,  e de sua lenha exala
A fumaça...
Leva e traz,  aos recantos de Minas as gostosuras:
O açúcar de cana, e a mais pura cachaça.
Serpenteia nas matas, a vida mineira... Vários apitos,
no vai e vem...
Ao longe, se vê a fumaça que a magia da terra retém ! 

Nos templos áureos, belos tempos de Minas
Cozinhando estão,  as Donas das varias cozinhas.
Do sagrado fogo sobe à fumaça sobre as neblinas...
Cozinham-se,  os frutos da alma e as delicias, 
de todas as casas e cantinas.
Brotos da terra das farturas. Ferve-se a cana e
forma-se  o melaço da rapadura.
Cultura gloriosa que nos retrata e que no
no eterno tempo perdura.

Serpenteiam os vagões, por entre as matas nas
Verdejantes colinas...
Ao longe, se vê a fumaça de suas narinas...
Chega a “formosa” Maria trazendo o cheiro das matas.
O cheiro verde das campinas.
Nas estações, o destino as nossas esquinas,  onde moram
Os sons  de "mil tons" e   o cântico das “Iaras Carolinas”...
Mágicas e sonoras melodias fazem a fascinação das
riquezas de Minas ! 
As Minas, das varias e sonoras esquinas !  Levadas e trazidas
No lombo de ferro, de nossas fortes e esfumaçadas Marias. By betonicou

Um comentário:

people of the world comment if to like… important for the development of this work…