Páginas

curvas, retas e esquinas

terça-feira, 21 de junho de 2011

neutros © Copyright

 Um ponto negro no espaço, antes
Vazio se vê.
Ali aguçando meu olhar um tanto.
O branco, com um ponto no centro,
Um encanto!
Com a imponência  que se atiça
No branco, esse ponto negro.
No espaço, antes infinito branco
Um toque de cor...
Uma folha, de papel comum ou machê
Ali agora, um ponto.
                                                                                                                                    Procura companheiras matizes irmãs, 
mas apenas se vê, ali solitário um ponto.
No universo, antes alvo, branco...                                                                           Algodão, papel... Está lá no centro,
Ou qualquer canto...

Uma visão instigante, quando se olha no
Branco...
Um ponto instigando e tomando atento
Um reino e ali, todo soberano, sem ter
Ao redor outra cor.
Todo  solitário sem ter,  com quem dividir o
Reino  reina todo o ponto , na folha de papel
 em branco. Um ponto negro no branco.

                          By betonicou